Medo do futuro

O medo do jovem.

Querer ser o que admira aumenta o medo e não ajuda a encontrar caminhos. O futuro entra no radar do jovem quando, pela primeira vez ele pode escolher o que estudar e pensar no como ele vai se sustentar. É o momento mais incitante do jovem e o SERÁ mudará sua vida de maneira irremediável.

medo do futuro

Você é jovem e têm medo do futuro?

O medo do futuro chega quando você percebe que o futuro está logo alí e que ele mudará tudo. 

O medo aumenta progressivamente quando você constata que não existe a opção de deixar tudo como está. O futuro vai tirar tudo do lugar. 

Toma conta de você devagar se você não se decide.

É uma angústia sem causa que se instala no peito. Seu corpo fica desconfortável, os gestos mudam, aparecem os tiques: a mão toda hora no cabelo, no rosto, as unhas nos dentes, os músculos tensos e você fica muito irritável. 

A palpitação vem quando você percebe que ao não optar por um caminho o futuro vai te colocar na vala dos que patinam e não chegam a lugar algum. 

Você não faz ideia de qual caminho seguir

Você levou a vida numa boa. Foi um aluno ok apesar de alguns perrengues. Ao mesmo tempo que frequentou a escola,   aprendeu inglês, natação, espanhol, judô, violão, jogou futebol ou games, sei lá…  Bacana. Mas, de repente, o medo do futuro  entrou no seu radar. 

O futuro entra no radar do jovem aos dezesseis, dezessete anos. É quando, pela primeira vez, o jovem pode escolher o que estudar. É desafiador e paralisa. Não dá mais pra fazer um pouquinho de tudo. É preciso definir um objetivo.

O caminho é vencer os medos e ou vou  te ajudar. Prepare-se: é um trabalho de formiguinha, mas enquanto trabalha você caminha em direção a ele.

A cascata de medos

Medo do futuro – Vencendo o medo das escolhas

Você sabe com o quê  muita gente que você conhece trabalha. Seus pais, parentes, alguns amigos, amigos dos seus amigos. Além do trabalho dessas pessoas,  você tem ideia do trabalho de pessoas que você não conhece pessoalmente mas que te influenciam. 

É comum você desejar ser o que essas pessoas são ou representam, certo? Esse desejo só aumenta seu medo e não te ajuda a encontrar caminhos. 

Para vencer o medo da escolha você precisa saber o que cada um faz no dia a dia do trabalho. Saber como é o dia a dia do trabalho das diferentes profissões que estão no seu radar.

medo das escolhas
medo das escolhas

Perceber se o dia a dia da profissão te fará feliz é o primeiro passo para separar a escolha certa da escolha errada. 

Não pense em quem você quer ser. Pense no que você quer fazer.

Medo do futuro – Medo de perder o conforto

menina escondida na caixa.
conforto?

Não há o que temer quando não há alternativa. Você vai perder o conforto!

Tememos o desconhecido, e perder o conforto no momento das escolhas é um fato conhecido. Você pode não gostar mas não há o que temer. É preciso se adequar.

Você pode perder a cama confortável, a comida quentinha, a rotina previsível, o celular top, a calça da moda, a ajuda financeira, o calor do convívio de quem ama. Mas vai sobreviver. 

Ao entender e aceitar que vai perder o conforto, o medo evapora e você começa a se alinhar com novas rotinas. Foi assim com a maioria das pessoas que você admira. 

Olhe para a biografia dessas pessoas e você vai encontrar o momento da ruptura. O momento onde elas tiveram que encarar o fato de que o conforto foi perdido. Veja como os  tempos de desconforto trouxeram as múltiplas oportunidades.

Medo do futuro – Medo de não saber o que ensinaram na escola

Jovem sente dedos apontados para ele e o medo do futuro por não ter aprendido.
Medo de não ter aprendido

Você não ficou num quarto escuro durante todo o tempo de escola. Se não aprendeu toda a gramática, se tem problemas com ortografia, ou com raiz quadrada, é hora de olhar para as coisas que ocuparam seu tempo. 

Passou a vida nos jogos online? Então sabe mais sobre isso que os que se dedicaram ao estudo da gramática.

Usou o tempo para o esporte? Ok. É por aí.

Gastou horas acompanhando as mídias sociais? Deve saber como os influenciadores prenderam tanto a sua atenção. 

Ainda dá tempo. Olhe para o que você fez fora da escola durante sua  jornada de aluno. Volte sua atenção para o conteúdo que você consumiu. Relembre as coisas que aprendeu nos espaços extramuros da escola. Alguma pista você vai encontrar.

Existe vida inteligente fora dos currículos  acadêmicos. Existe consumidor exigente nos ambientes nichados. Os grupos de consumidores não convencionais querem atenção.

Medo do futuro – Medo de desapontar

Jovem se esconde embaixo da escrivaninha com medo do futuro
Medo de desapontar

É difícil lidar com as expectativas dos outros. Esse medo é comum em relação aos pais. Mas, parte da expectativa que eles têm em relação a você foi você quem construiu.

Tem uma maneira de lidar com esse medo. Você vai mudar as expectativas deles. Como assim?

Como você não aponta para nenhum caminho e não manifesta o que deseja fazer, deixa o futuro muito aberto. Cria um hiato de incertezas. Porque você não pensa no futuro. Essa falta de direção ou de exposição  é o convite para  que seus pais tentem construir o que acham ideal para o seu futuro.  

Eles não tem como saber quem você vai ser no trabalho. Eles imaginam o melhor pra você. Mas todo pai sabe que estamos num momento de grandes mudanças. Nada é previsível no mundo do trabalho 4.0 e eles sabem disso porque estão sentindo os reflexos das mudanças no próprio trabalho.

Quer ajuda? Venha para o Portal de Ideias

Nós vamos preparar  você para olhar o futuro com esperança. Pensar no futuro sem medo do julgamento, sem medo de desapontar, sem medo do ridículo, sem medo de se expor.

Como resultado, vai caminhar em direção a ele sem medo de ele chegar!!!

Nathália Tramontina CEO do Portal de Ideias

Deixe seu comentário. Queremos muito te ouvir. Suas ideias nos alimentam.

Portal de Ideias – Onde uma ideia leva a outra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.